LinkedIn: dicas para criar um perfil em inglês (e atrair recrutadores do mundo inteiro)

Aprender inglês é uma ferramenta essencial em várias carreiras e, em um mundo cada vez mais globalizado como o que estamos vivendo, chances para começar e/ou seguir uma carreira internacional podem surgir a qualquer momento. Em uma época onde tudo é digital, candidatar-se a empregos é um processo que agora é feito principalmente on-line.  Vários "headhunters" (recrutadores) de todos os cantos do mundo procuram por candidatos na plataforma LinkedIn. Portanto, um perfil em inglês no LinkedIn pode te tirar da multidão e atrair os olhares de empresas e recrutadores internacionais. Aproveite as nossas dicas!

Projetado para profissionais, o LinkedIn é uma plataforma de mídia social de networking voltada para a comunidade empresarial. A funcionalidade básica do LinkedIn permite aos usuários criar um perfil online que representa seu histórico de emprego e competências definidas, em outras palavras, o seu currículo online (veja as dicas sobre como escrever um currículo em Inglês ). Os usuários podem encontrar empregos e oportunidades de negócios por meio do perfil, fazer "conexões" com profissionais que podem recomendar você para o emprego, e ainda tem a possibilidade de aprender sobre outras empresas e insights de aumento da indústria.

A plataforma é uma grande ferramenta para a busca de empregos e recebimento de atualizações de empresas, e é uma excelente maneira de fazer network com profissionais afins e se reconectar com colegas. A plataforma é também uma ferramenta útil para que as empresas procurem potenciais candidatos e listem suas vagas online.

Não tem certeza do que incluir em seu perfil em inglês? Aqui estão as nossas dicas sobre o que incluir para um perfil perfeito no LinkedIn

1) Inclua uma foto

Embora seja tentador a não incluir uma foto no seu LinkedIn, isso realmente pode ser prejudicial ao seu perfil. Quando os empregadores e recrutadores digitalizarem a plataforma, eles vão percorrer milhares e milhares de perfis por semana. Estes perfis muitas vezes podem parecer impessoais e artificiais; portanto, traga um pouco de vida à sua conta através da inclusão de uma imagem e mostre ao empregador que você é o indivíduo profissional e apresentável que você diz ser no seu perfil. Além disso, as pessoas se lembram mais de rostos do que de nomes, assim que adicionar uma foto ao seu perfil vai ajudar a torná-lo mais memorável.

Com relação à sua imagem, é importante que a foto que você envia represente-o na melhor das hipóteses sob a luz profissional. Isto significa sem selfies, sem fotos de você bebendo álcool com seus amigos em uma festa realmente grande, e sem fotos com seus amigos / mãe / animal de estimação. Uma fotografia de rosto simples é o melhor caminho a seguir aqui.

2) Escolha um título atrativo

Um dos maiores erros que pessoas cometem ao fazer o seu perfil no LinkedIn é usar seu cargo como sua manchete. Isso não é necessariamente errado, mas seu título deve ser uma apresentação pessoal para os recrutadores e empregadores. Você tem 120 caracteres para descrever a si mesmo e seus pontos fortes, por isso é importante o uso de palavras da moda convincentes para fazê-lo tão vendável quanto possível, e aumentar seu ranking nas buscas.

3) Inclua uma seção de resumo detalhado

Após o título, a sua seção de resumo é sua chance de realmente vender-se aos potenciais empregadores, e mostrar ao mundo o que o faz tão único e empregável. A seção de resumo permite que você inclua até 2000 caracteres, então deixe a preguiça de lado e escreva um parágrafo curto. Aqui estão algumas dicas sobre o que você deve incluir nos parágrafos:

  • Experiências anteriores e empregos;
  • Paixões e suas inspirações;
  • Suas habilidades e porque você é adequado para o seu trabalho desejado;
  • Suas realizações de trabalho.

 

4) Crie uma URL personalizada

Uma ótima maneira de destacar o seu perfil do LinkedIn é criar uma URL personalizada. Ao se registrar no LinkedIn, ele atribui-lhe automaticamente com uma URL que contém uma combinação de números e letras. Em vez de usar este URL básico, você pode editar sua URL para que ele inclua o seu nome – desta forma, quando um empregador (ou qualquer outra pessoa) dar um Google no seu nome, o seu perfil do LinkedIn vai se tornar um dos melhores resultados, o que significa que o seu perfil será, portanto, mais visível para os futuros empregadores e agências de recrutamento.

LinkedIn | Kaplan International

5) Construa suas recomendações

Uma das partes mais importantes de um perfil no LinkedIn é ter um perfil rico em recomendações de colegas e empregadores anteriores. A melhor maneira de obter isso é pedir-lhes, portanto, se você trabalha ao lado de um colega ou um empregador, pode oferecer-lhes uma recomendação para uma em troca. Escolha uma habilidade especial que você gostaria de destacar dentro de cada recomendação, e simplesmente lembre-os das vezes você demonstrou essa habilidade e peça-lhes para destacar esses detalhes, tanto quanto possível. Experimente se concentrar em uma habilidade diferente para cada recomendação e você poderá demonstrar suas habilidades variadas para os futuros empregadores.

Se você se sentir desconfortável pedindo aos colegas para que façam recomendações, tente escrever uma para eles. É provável que eles vão devolver o favor de cortesia.

6) Construa uma forte rede de "conexões"

Além de ter recomendações, outro aspecto importante do LinkedIn é construir uma forte rede de conexões. Isso porque o LinkedIn é uma plataforma de rede social que vai automaticamente convidar contatos a se conectarem com você. No entanto, enquanto isso pode ajudá-lo a construir um monte de contatos, é provável que existam pessoas entre seus contatos que você prefere não se conectar profissionalmente. Para evitar que você se conecte automaticamente com as pessoas que poderiam ter um efeito negativo sobre a sua imagem profissional, é melhor não selecionar a opção que permite ao LinkedIn se conectar automaticamente com seus contatos. Em vez disso, use a função de pesquisa para procurar manualmente conexões.

Depois de ter cuidadosamente selecionado com quem você gostaria de se conectar, o LinkedIn, então, vai sugerir pessoas semelhantes, com base nas conexões que você mesmo escolheu. Em seguida, é importante enviar-lhes uma mensagem genuína. Evite enviar a solicitação de conexão genérica, e escreva mensagens sob medida para cada pessoa que vai explicar por que você irá valorizá-los como uma conexão.

Quando você pesquisa nos mecanismos de busca do LinkedIn, são filtradas as pessoas que estão imediatamente ligadas a você, seguido de contatos de segundo e terceiro grau, como pessoas que são amigos de amigos. Se você quiser maximizar a acessibilidade do seu perfil, é importante não se limitar só a pessoas que você  conhece atualmente. Quanto mais pessoas desconhecidas você se conectar, mais fácil será para os empregadores e recrutadores te encontrarem. No entanto, enquanto isso pode ser muito útil para fazer seu perfil mais visível, vale a pena notar que, ao se conectar com pessoas que você não conhece, torna-se vulnerável às atividades on-line que podem ser negativas e prejudiciais.

7) Seja ativo em grupos no LinkedIn

Semelhante a páginas de fãs no Facebook, o LinkedIn tem uma funcionalidade "grupo" que permite aos membros se juntarem, compartilharem e participarem de interesses profissionais e específicos. A participação em grupos é uma ótima maneira de construir as suas ligações e aumentar suas recomendações no LinkedIn, por isso quer se trate de um grupo de ex-alunos da universidade, ou um grupo específico da indústria, junte-se e inicie uma conversa. Quanto mais você se unir a grupos, maior é a sua chance de construir relacionamentos e networking com profissionais semelhantes. Lembre-se: você tem que ser ativo dentro dos grupos para incentivar as pessoas a se conectarem com você. Sempre que possível, tente oferecer um contributo valioso para o debate que vai beneficiar outras pessoas e demonstrar sua paixão para seu setor escolhido.

8) Inclua toda a sua história de emprego

Ao contrário de um currículo ou CV, é importante listar todo o seu histórico de trabalho no seu perfil do LinkedIn. Quando os empregadores e recrutadores procuram pessoas no LinkedIn, mais frequentemente o que eles estão procurando são pessoas que trabalharam para uma empresa particular, ou para as habilidades que são desenvolvidas durante um esquema de graduação específica ou programa de formação. Por exemplo, uma empresa de varejo, tais como Topshop pode procurar novos funcionários procurando por pessoas que trabalharam para as empresas similares, como River Island. Ao deixar empregos fora do seu perfil, você diminui a sua chance de ser encontrado pelos empregadores que buscam profissionais que têm trabalhado para empresas similares e, até mesmo, concorrentes, e evita que você se conecte com antigos colegas.

9) Inclua palavras-chave

Se você estiver usando o LinkedIn para encontrar um novo emprego, uma das melhores coisas que você pode fazer para o seu perfil é incluir muitas palavras-chave, a fim de aumentar a classificação do seu perfil na ferramenta de busca do Google. Quando recrutadores e empregadores procuram o LinkedIn, eles usam palavras-chave específicas da indústria para refinar suas buscas. Por exemplo, se um empregador está à procura de um assistente de marketing, eles são propensos a procurar palavras-chave, como "marketing '' SEO 'e' otimização 'para conduzi-los aos profissionais que são especialistas nesta área. Para aumentar suas chances de ser encontrado por potenciais empregadores, visite a página de carreiras das empresas que você gostaria de trabalhar, e escolha palavras-chave que são usadas em suas descrições de trabalho e, sutilmente, inclua essas palavras em todo o seu perfil. Lembre-se, menos é sempre mais, por isso não exagere.

10) Publique, e veja onde você chega!

Depois de ter adicionado todos os itens acima em sua conta, o seu perfil no LinkedIn estará completo! Simplesmente revise o seu perfil e certifique-se de que não há erros de ortografia simples, e que as datas na sua história de emprego são precisas. Então, finalmente, certifique-se o seu perfil é público, e publique-o para o mundo ver!

Não se esqueça de que além do seu perfil, você também precisa estar preparado para quando a aportunidade surgir. As entrevistas de emprego hoje começam através do telefone e/ou skype, você precisa estar com seu inglês "em dia" para não perder as oportunidades.

Realizar um programa de intercâmbio é sempre uma experiência positiva em sua carreira, e, se esse é o seu objetivo, considere os cursos de inglês para negócios da Kaplan International English. Nossas escolas de inglês estão nos destinos mais desejados do mundo e, com certeza, temos um curso que se encaixa em seus propósitos.

Fique de olho na hashtag #KaplanExperience e acompanhe as aventuras dos nossos alunos pelo mundo.

 

 

立即分享
相关文章